sábado, 27 de janeiro de 2018

Resenha: Magos – Histórias de feiticeiros e mestres do oculto - Parte 2


Yo minna!!! Essa segunda parte foi muito esperada,eu ia posta-lá no máximo uma semana depois da parte 1,mas fiquei bem enrolada em off e esse post ficou para essa volta com chave de ouro do blog! Vou liberar o post amanhã ao meio dia! falta pouco minna!

Como no post Magos – Histórias de feiticeiros e mestres do oculto eu foquei em falar primeiro do livro em si e depois um pouco sobre o que penso de cada conto nesse decidi apresentar melhor os escritores e selecionei um trecho bem pequeno que gosto de cada um dos contos para vocês conhecerem melhor o livro.

Postem edição.

Links da editora:


Blog 



Média de preço:
Impresso: R$ 
E-book: R$Amazon  

Contos e Autores:

Para evitar spoiller os contos que já deixei um trecho no post 1 vou repeti-los aqui, sendo que agora completos ok? Já que no 1 coloquei um gostinho um pouco mais curto...

Vou falar um pouco de cada autor, usando um gostinho do que diz deles no livro e por vezes usando o que tem em seus sites e até juntar livro + site em alguns casos, cada autor será apresentado de uma forma diferente para que vocês os começam o melhor possível ok?

Também coloquei o link do "Como escrevi" dos autores,  onde eles contam como escreveram seus contos o livro, mas não encontrei de todos, se encontrar atualizo e farei o mesmo com os links dos blogs e redes sociais.


Aço Sagrado - Eduardo Kasse

Sobre o autor:
"Sou escritor, autor da Série Tempos de Sangue e de vários contos de fantasia histórica medieval e antiga. Nasci em São Paulo – Capital, no icônico bairro da Liberdade, no ano de 1982, o mesmo do lançamento da espetacular música Eye of the Tiger – Survivor e dos filmes: Conan, o Bárbaro e Porky’s.

Em 2012 iniciei profissionalmente com a publicação do meu primeiro livro, O Andarilho das Sombras. De lá para cá, as palavras tomaram conta da minha carreira por completo e é da escrita que tiro o meu ganha-pão (e a ração da cachorrada)."

Ele fala um pouco mais sobre si na página: Um pouco sobre mim, vou deixar um pouco abaixo para espiarem, recomendo que vejam a página dele para saber mais.

"Muitos autores preferem escrever em terceira pessoa ou mesmo ter suas histórias contadas por outras pessoas. Eu escolhi conversar com você, como faríamos pessoalmente, afinal, se você chegou até aqui, é porque há essa vontade de me conhecer um pouco melhor, não é? "

Aço Sagrado:

"Eu estava de joelhos. À minha frente, apenas a imensidão de um mar bravio, o vento forte instigando as ondas a morrer nas rochas, em jorros altos e brancos. Havia sangue seco em minhas mãos, havia feridas profundas na minha alma e, à frente dos olhos, apenas o medo e a dor de todos aqueles que eu matei."

Links:
Twitter: edkasse
Como escrevi: Aço Sagrado


O Jogo dos Gêmeos - Simone Saueressig

Sobre o autor:

"É gaúcha. Iniciou sua carreira há trinta anos e tem diversos títulos publicados. Suas obras abrangem diferentes públicos, do infantil ao adulto e alguns de seus contos foram trazidos para o Espanhol e para o Inglês."

" Atualmente, a maioria das minhas novelas editadas é voltada para o público infanto-juvenil, mas quase todos os contos editados oferecem textos voltados para um público mais adulto. Vale lembrar que editei a “Popinha”, o suplemento infantil do Jornal NH de Novo Hamburgo, durante cinco anos. Também tive a felicidade de publicar vários contos na página infantil do jornal Ya, que era editado em Madrid no final dos anos 90."

Para saber mais ela tem a página A  Autora 

Conto:

"Antes que o derradeiro disparo o acertasse, conseguiu elevar a voz no conjuro em que viera trabalhando nos últimos meses. O conjuro que quase dava certo à noite, quando sua força era maior, e quando a Senhora estava adormecida."
  
Links: 
Como  escrevi: O Jogo dos Gêmeos 


Um Mar de Fogo - Erick Santos Cardoso

Sobre o autor:

" É desenhista de coração e editor de profissão. Mestre em comunicação,amante da cultura pop em todas as suas vertentes. Tem na Editora Draco o seu projeto para produção e desenvolvimento da literatura do entretenimento nacional."

Ele também está em outros livros muito queridos da Draco, escreveu Devorados que é do livro Dragões (esse livro foi uma das minhas primeiras resenhas...Ou a primeira,faz tempo, penso em fazer uma parte dois para falar de cada conto,na época fiquei com medo de acabar falando algum spoiler e falei do livro em geral,agora que me acostumei com resenhas consigo evitar spoilers sem problemas o que acham? Vale uma parte 2?)

Para ver a lista com os livros dele é bem fácil,tem no site da Draco. Já até deixei o link que vai direto na pesquisa pelo nome dele, assim é só clicar para entrarem na página XD

Conto:

"Alexander Galliardi agradece à Deusa por mais uma vez iluminar a Terra Pátria, por seu calor reconfortante e pela inspiração para guiar os seus jovens alunos. Ele se ergue em frente ao altar rodeado de velas e caminha até as portas duplas que dão para o templo."

Links:
Twitter: ericksama


Coração de Ouro - Karen Alvares

Sobre o autor:

"Autora do Romance Alameda dos Pesadelos (2014) e da duologia Inverso(2015) e Reverso (2016). Publicada em revistas e antologias de contos, como  Dragões (2012) e Meu Amor é um Sobrevivente (2013. Premiada em concursos literários nacionais, em 2016, na Bienal de São Paulo, ganhou o 3º lugar na categoria destaque como autora de ficção no evento "Celebrando Autores Independentes"da Amazon."

A Karen tem a página "Sobre mim" no blog e lá tem até links para entrevistas que fizeram com ela! 

Aqui no blog também tem posts sobre a Karen, gosto muito de como ela escreve,sempre me surpreende muito! no post Resenha: Duas Doses de Amor falo de um livro de contos curtos dela e da Melissa de Sá, a Karen tem tantos contos fantásticos que fica até difícil escolher qual ler primeiro! Me tornei fã dela desde o primeiro conto que li (A Dama das Ameixas - Livro: Dragões

No blog dela tem uma lista muito bem organizada na página "Livraria" e ainda tem links para resenhas e divulgações dos livros dela, recomendo que passem lá para conhecerem mais sobre o trabalho da Karen.

Conto:

"A frase é repetida uma,duas,milhares de vezes. Avoz da mãe Pátria está em todos os lugares,em todos os becos escuros,nos gritos assustados das crianças e nos berros ferozes dos guardas armados até os dentes.

A voz dela está dentro até mesmo de sua cabeça.

Repetindo...

Sem parar.

Nem precisa procurar. Você sabe muito bem. Você ouve. Você sente"

Links:
Como escrevi: Coração de Ouro  


Era Uma vez No Oeste Bizarro - Marcelo A. Galvão

Sobre o autor:

" Lê, escreve e reescreve ficção fantástica (horror, fantasia e ficção cientifica) e policial. Teve histórias publicadas em mais de dez coletâneas no Brasil e Portugal"

" Leio, escrevo e reescrevo ficção fantástica e policial. Já colaborei com os sites HyperfanLetra & VídeoTerroristas da ConspiraçãoO Nerd Escritor, Estronho & Esquésito, 1000 Universos, Contos Fantásticos, o projeto Fábrica dos Sonhos e a revista Scarium (edições nº 2123 25). Também participei de diversas coletâneas com os seguintes contos:"

Para saber mais tem a página "Quem" no blog dele.

Conto:

"O vento uiva como um bicho cheio de dor. Do alto do cavalo, Zane Moore não acredita no que vê adiante.

- Bem-vindos à terra de ninguém!  - anuncia o homem com chapéu de pele de guaxinim ao ver a perplexidade de Moore, tão aparento no rosto do jornalista quanto a marca de ferro numa rês. Seu olhar se arrasta pela paisagem, um relva ressecada que cobre a planície por quilômetros de extensão. Sem qualquer sinal de gente ou de bicho.

E sem sinal de ter fim."

Links:



A Elfa Maga -Vivianne Fair

Sobre o autor:

"Acredita firmemente que é uma princesa guerreira vivendo nesse mundo por engano. Para aproveitar o tempo, escreveu a trilogia A Caçadora, publica tirinhas e contos em seu site, mantém um canal no youtube e escreveu vários outros como A Rainha Sombria e Quem precisa de Heróis""

"Meu nome original é Viviane Machado. Com o tempo adquiri o pseudônimo Vivianne Fair e fui carinhosamente apelidada de chefa. Por que chefa? Bem, eu dirigia um teatro cosplay e tinha estande nos eventos, onde pessoas trabalhavam de graça porque simplesmente era divertido. Passaram a me chamar de chefa e tinham um boton fofo chamado: "Escravo da chefa" (eu, hein?)

Enfim, sou artista plástica formada pela UnB, cantora (recitais da Disney são meus favoritos), professora de inglês e desenho - faço todas as capas e desenhos dos meus livros,  vlogueira, gosto de costurar minhas próprias roupas e fantasias, faço ilustrações para fora, incluindo quadrinhos. Tenho um filho de 18 anos e adoro inventar coisas novas para fazer."

Para saber mais tem a página "Sobre mim, sobre o blog" no blog dele.

Conto:

"Sempre admirei os magos. Sempre admirei aqueles homens que passavam pela minha aldeia oferecendo curas e fazendo encantamentos, por que não? Eu também queria ser útil. O que tem demais em eu ser uma elfa? Ou o que teria demais em ser uma mulher elfa?"

Links:

Como escrevi: A elfa maga 


Crônicas de Libertá: Fogos de Artifício - Eric Novello

Sobre o autor:

" É tradutor e autor dos livros Ninguém Nasce Herói (2017), Exorcismos, Amores e Uma dose de Blues (2014) e  Neon Azul (2010). Escreve Livros contemporâneos para jovens e livros e fantasia para adultos, só assim, para complicar"

No blog dele tem mais informações, na Bio, como por exemplo:

"Oi! Se parou por aqui, deve saber que me chamo Eric Novello. Sou autor e tradutor, e de vez em quando me arrisco a criar letras de música. Nasci no Rio de Janeiro em 1978 e me mudei para São Paulo em 2007. Escrevo prosa contemporânea e ficção fantástica, de acordo com a vontade do momento. Todos têm um pé na realidade e o outro no meu mundo insólito, em proporções variadas, sempre críticos ao estado de violência social brasileiro." 

Então é só visitar o site Eric Novello  para saber mais.

Conto:

"A vida de um vigilante nunca é fácil. Por mais que o vejam como um super-herói,ele é só uma pessoa comum trabalhando para a polícia. Tão comum quanto um mago pode ser. Ele pode ser ferido por bala,sentir efeitos de magia e, se um lobisomem raivoso se colocar em seu caminho, o estrago provavelmente será grande. Ainda assim, os cariocas nutriam um afeto especial por eles.  Mesmo sem o super,os tratavam como heróis da cidade.eram eles que apareciam na hora do sufoco, que prendiam os criminosos com talentos sobrenaturais, que resolviam o que mais ninguém podia resolver"

Links:
Como escrevi: Fogos de Artifício



Kyrie Eleison - Liège Báccaro Toledo

Sobre o autor:

"Liége Báccaro Toledo é escritora e jogadora inveterada de RPG. Aqui no Livros de Fantasia vai falar um pouco sobre o que gosta. Desde que se conhece por gente, ama ler e contar histórias. “Consome” de tudo um pouco para aplacar seu vício: livros, mangás, animes, gibis, filmes, música (músicas também contam histórias!) e o que mais vier. Orgulhosa Lufa-lufa, divide um castelo na floresta com seu marido da Grifinória. Tem publicado O Enigma da Lua: A Centésima Vida e conto A Borboleta. Mantém seu blog, O Enigma da Lua, atualizado sempre com conteúdo de seu trabalho."

A descrição é do blog Livros de Fantasia,na página "quem somos"

Conto:

" Se tivesse prestado atenção ao som da chuva naquele momento, talvez eu tivesse ouvido as vozes da tempestade,sussurrando, dizendo-me que eles estavam agindo. Talvez se eu tivesse sentido a presença ancestral naquele quarto. Na verdade os espíritos estão em todos lugar, desenhando vida como nós desenhamos na areia entrelaçando existências em um padrão único. Mas eu não fui capaz de escutar. Ao invés disso, sentei-me em uma cadeira ao lado da cama e dormi,, sem querer, depois de pouco tempo, deixando minha mãe sozinha com o monge.foi quando sonhei pela primeira vez com ela.  "

Links:
Como escrevi: Kyrie Eleison  

O último Desejo - Charles Krüger

Sobre o autor:

"É autor do romance Os verdadeiros Gigantes,e passou parte da adolescência e da juventude escrevendo contos em blogs - vício  que mantém até hoje."

Eu peguei um pouco do que ele falou no post "Como escrevi" para apresentar mais sobre ele para vocês: 

"Sou um fã incondicional de tokusatsu, aquelas séries japonesas de heróis coloridos que derrotam monstros gigantes e salvam Tóquio semanalmente. Graças a isso, decidi que queria aprender o idioma japonês. A lembrança mais antiga da minha vida é de um episódio de Jaspion, na extinta Rede Manchete. E a maioria esmagadora das coisas que eu consumo hoje no mundo do entretenimento são tokusatsu (no singular mesmo) recentes, que não chegam ao Brasil."

Conto:

"O reino sempre vivera uma paz que beirava a monotonia, e nunca ouve reclamações quanto a isso. Vieram os ocasionais desaparecimentos, , vieram os ainda mais ocasionais cadáveres sendo encontrados à beira da estrada de terra batida. A preocupação também veio,  e ela estava prestes a virar desespero quando a tentativa de mandar soldados atrás de um possível resultado trouxe como consequências mais mortes e nenhuma solução"

Links:

Como escrevi: O Último Desejo 


De Carona - Melissa de Sá

Sobre o autor:

" É escritora e blogueira, autora do romance Metrópole: O Despertar(2016) e outros contos nesse universo diatópico. Nascida em Belo Horizonte, escreve fantasia e ficção cientifica desde a infância. Passou a adolescência no fandom de Harry Potter e foi lá que encontrou o seu estilo para escrever."

Tenho muitos posts da Melissa aqui no blog e quem acompanha aqui já conhece bem ela não é mesmo? Listando alguns dos posts com o trabalho dela temos:



Resenha: Duas Doses de Amor (Que é dela e da Karen) 



Isso sem contar posts de novidades, avisos,o post da Bienal do livro e assim vai, a Melissa aparece com freqüência aqui no blog e isso porque ela escreve de forma encantadora, merece todo o sucesso!

Conto:

"Ah, sim, gostava daquela vida. De ter um apartamento pequeno, mas simpático, no Santa Efigênia  e ir para a faculdade de ônibus sem pressa. Pagava as mensalidades sem aperto com o dinheiro que herdara e até que se interessava pelas aulas.Fazia as unhas com uma vizinha do quinto andar que falava demais, mas que era legal,e tinha um guarda-roupas modesto, mas sintonizado na moda.

Era uma vida ótima.

Foi por isso que bateu a porta com força na cara da pessoa do outro lado."

Links:


E então Eu Não Estava Mais Lá - Cirilo S. Lemos.

Sobre o autor:

" Fritou hambúrguer, vendeu flores e criou peixes briguentos, estudou história. desde então dedica-se a escrever,dar aulas e preparar os filhos para a inevitável rebelião das máquinas"

Achei muito interessante o "Como escrevi" dele, então decidi deixar uma parte aqui para vocês:

"Quando a querida Ana Lúcia Merege me convidou para participar da nova coletânea que estava organizando, fiquei feliz da vida com o tema. Magos, oras! Quem não gosta de magos? Era a oportunidade para misturar no caldeirão de referências guardadas aqui na cachola os Elminsters, Constantines, Tim Hunters e Doutores Estranhos, acrescentar umas gotas da pop magic morrisoniana e uns pelos de gato preto para dar um gostinho, deixar cozinhar e abracadabra!, um conto novinho cheio de feitiçaria, brilho e encanto."

Conto:

"Tentei prestar atenção nas gravuras centenárias espalhadas pelo salão, mas meus olhos inevitavelmente acabavam nela. Em seus cabelos castanhos, ou púrpura, ou serpentíferos. No desenho de seu corpo atraente abrigado na praticidade de um jeans e de uma blusa arco-íris. A garota mais bonita do mundo."

Links:


De Poder e de Sombras  - Ana Lúcia Merege

Sobre o autor:

"Descendente de fenícios do Líbano e de Al-Ghard. É escritora, bibliotecária, articulista e mediadora de leitura. Escreveu os livros de ficção O Caçador (2009) e O Jogo do Equilíbrio (2005) e o ensaio Os Contos de Fadas (2010), além de contos e artigos. "

Ela fala mais sobre si na página " Sobre Mim"  no blog Estante Mágica. Vou deixar um gostinho aqui e assim podem ir conferir quando terminarem o post e vou deixar também 3 doas posts que fiz sobre trabalho dela também ok? Assim apresento para vocês um pouco da magia que ela traz em seus livros.

"Sou carioca, aquariana e nasci em 1969. Quando criança queria ser arqueóloga, mas a paixão pelos livros falou mais alto e em mais de um sentido: tornei-me escritora, contadora de histórias, pesquisadora e bibliotecária. Meu trabalho literário é voltado principalmente para os contos populares e a ficção fantástica, frequentemente com base na mitologia e na História antiga e medieval."




Conto:

"Fedros olhou para o céu e apertou o passo. A meia-noite não tardava,e a casa de pedra,cheia de altos e baixos, onde vivia com os esquisitões da escola de magia ficava além do bairro central. Um encantamento dos magos ligados ao Conselho mantinha as ruas iluminadas, mas aquela hora elas ficavam vazias, e o rapaz não gostava  de percorrê-las sozinho. Riverast costumava ser pacífica, mas ainda sim era uma cidade grande,habitada por todo tipo de gente. Bem diferente de sua terra."

Links: 
Como escrevi: DePoder e de Sombras 


O post fica por aqui minna-san,gomen a demora e espero que tenham gostado, acabei relendo o livro, meio que quando fui editar a parte 2 da resenha não resisti, achei tão impressionante como cada autor criou seu próprio mundo dentro desse livro, pude ir e vir em diferentes realidades e cada uma delas traz a magia de forma tão distinta das outras que acaba fazendo esse livro atender ao gosto de fãs de diferentes gêneros!

Quero trazer mais sobre esses escritores aqui para o blog, para fazer esse post fui nos sites e blogs deles e pude conhece-los melhor, deu vontade de trazer mais para vocês e só não fiz porque acabaria tendo um post gigante,mas quem sabe em posts futuros?  Até a próxima minna!


Beijos da Kira.


Um comentário: